As carroças no fluxo do trânsito

By
Na cidade de Porto Alegre foi aprovada uma lei que proíbe o trânsito de veículos de tração animal, conhecidos por carroças. A lei entrará em vigor no ano 2015. Esses veículos competem nas ruas e estradas com os veículos motorizados colocando em risco a vida dos condutores e também dos animais.
Não há nenhuma regulamentação para a condução desse tipo de veículo e por isso muitas vezes são dirigidos por crianças que açoitam os animais para aumentar a velocidade e o risco de acidentes é maior ainda.

Aqui em Santa Maria as ruas são estreitas e o número de veículos motorizados é desproporcional à capacidade de fluxo. Por isso as carroças causam enormes transtornos e muitos acidentes, principalmente à noite, pois a maioria não tem nenhuma sinalização luminosa ou refletora.

Há também muitos veículos de tração humana que são utilizados para coleta de resíduos recicláveis. Justamente no final de tarde é que eles saem para recolher papéis e outros resíduos. Normalmente são várias pessoas, sendo a mãe a pessoa que traciona o veículo e os filhos vão revirando os sacos de lixo a procura de materiais. O risco é grande, pois disputam o fluxo do trânsito e ainda fazem a travessia da rua várias vezes na disputa pelos resíduos que encontram.

As autoridades de trânsito nada fazem em relação a esses veículos, pois são pessoas pobres que estão tentando sobreviver. Quando os acidentes acontecem é que vem a tona a fragilidade desses veículos na disputa do fluxo do trânsito nas cidades.



Notebook em oferta é no Buscapé

6 comentários:

  1. Aqui na minha cidade a carroça foi banida, porque ai só em 2015 ? Não entendi.
    Este meio é um problema para os animais irracionais e animais tidos como racionais.
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Mas não entendi uma coisa, talvez o Guilheme Pião até possa me responder, já que na cidade dele as carroças já são banidas:
    O que vão fazer com quem descumprir a lei? Irão muta-los? Irão pende-los? Enfim como irão puni-los?

    Pois acho que se a punição for prisão ou multa, ela será desproporcional ao descumprimento da lei, e tbm acho que ela não resolverá nada, apenas agravará mais a situação dessas pessoas que já tem tão pouco e por isso estão nessa lamentável situação.

    ResponderExcluir
  3. Olá...vim lhe visitar e conferir os seus artigos...
    é muito complicado Catarino aki em Bertioga eles não tem muita paciencia com essas carroças não, a pouco tempo atras ocorreu um pequeno acidente com uma bicicleta que foi pisoteada pela carroça de um carroceiro, mais a medida q foi tomada realmente naum sei lhe dizer,
    Amigo, lhe esperamos no Jovens Guerreiros!
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  4. Pois é aqui em Criciúma também tem este problema com carroças uma vez pensava que simplesmente poderia ser proibido mas como ficariam as famílias que vivem disso. Hoje eles podem circular na cidade somente à noite mas tem muitos que não respeitam este horário e circulam o dia todo, mas o que poderá ser feito? Multar? Prender?
    A maioria não tem nem o que comer. Acho que no fim não tem uma solução que irá agradar a todos.

    X Com tudo Dentro - Generalidades

    ResponderExcluir
  5. É triste a realidade em que vivemos. Não permitindo que estas pessoas continuem fazendo o que fazem acabaria com o meio de sobrevivência delas, mas por outro lado, salvaria a vida de muitas pessoas inclusive a delas.
    O correto seria vivermos num país mais justo, onde os cidadãos não precisassem chegar a este ponto para sobreviver!

    Ah.: linkei seu blog no blogroll do bigtasty.
    Abraço

    ResponderExcluir
  6. Realmente devemos tirar as carroças para segurança de todos principalmente porque muitas são crianças que conduzem as mesmas fora os acidentes.

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, ela é muito importante para nosso trabalho.

Popular Posts