O nível educacional dos Eleitores brasileiros

By
Hoje li no jornal Zero Hora uma estatística feita pelo Tribunal Superior Eleitoral do nível educacional dos eleitores brasileiros.
Existem no Brasil mais de 128 milhões de eleitores aptos para votar, sendo que destes menos de oito milhões têm ensino superior, somando os que concluíram e os não conclusos. Há também oito milhões de analfabetos e 20 milhões que sabem somente ler e escrever.

É por isso que no Brasil as dificuldades para estudar são enormes, os políticos não têm interesse em que a população fique mais bem instruída. Quanto menor a escolaridade da população mais fácil é enganá-la. Como uma pessoa analfabeta ou semi-analfabeta terá condições de avaliar o que os políticos vêm fazendo, pois seu grau de instrução não permite ter um melhor discernimento dos acontecimentos. A capacidade de oratória dos políticos convence a maioria das pessoas e torna fatos concretos em lendas e mesmo estando envolvidos em muitas falcatruas voltam a se eleger. Há muitos casos de políticos que assim que são acusados renunciam aos seus mandatos, para não se tornarem inelegíveis em caso de condenação, e depois são novamente eleitos e dizem que foram conduzidos nos braços do povo, que não acreditou nas acusações feitas.
Por isso nenhum governo vai investir em melhorar a graduação escolar da população, pois somente o estudo abre os olhos das pessoas para o que está acontecendo ao redor. Além disso, o nível educacional também melhora a condição de vida e com isso as exigências da população serão maiores. Como está hoje basta prometer aumentar o valor do bolsa família que já haverá um contingente de eleitores felizes.

9 comentários:

  1. Esta é realmente uma informação que entristece. Eu trabalho voluntariamente como presidente de seção em eleições há 12 anos e sempre vejo eleitores que nem mesmo têm noção de como votar na urna eletrônica, não sabem quem são os candidatos, já conversei com alguns que vendem o voto em troca de uma cesta básica (estes geralmente pessoas idosas, sem instrução e bem humildes). É algo revoltante de se ver e infelizmente, nós que trabalhamos não podemos orientar o eleitor para um voto justo e correto. Certa vez um juiz eleitoral me advertiu dizendo: "Se ele quiser votar no Pato Donald deixe ele votar."

    ResponderExcluir
  2. Estes números são realmente assustadores...ontem visitando alguns amigos amigos da blogosfera, deparei com um post intitulado "Voto Nulo", fiquei assustada, fiz um comentário e comcerteza fui o centro da discórdia...
    O que precisamos ter em mente é que, não adianta anular "um" voto para ver o país melhorar, devemos sim, "anular os corruptos, colarinhos brancos e afins... a população precisa de educação para saber lutar pelos seus direitos... Não adianta sair "gritando" que não gosta de política, pois tenham a certeza que, quem está lá gosta

    ResponderExcluir
  3. Isso que me entristece Catarino pq a maioria dos eleitores nao tem a instrução necessária para eleger um candidato, resultado: politicos corruptos no poder.
    Big Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá parceiro!

    Passei pra deixar um abraço, e informar que fiz uma homenagem a você no meu blog! Quando puder da uma passadinha la pra conferir!

    Grande abraço!

    Julio Cesar
    http://blogdofogueira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Catarino,

    O Chile é um belíssimo exemplo de engajamento da população em prol da educação. A revolução socialista implementou, na figura de Salvador Allende, uma reforma educacional nesse país. Mudanças que fizeram o Chile alcançar o melhor IDH da América Latina e um dos maiores PIB da região.

    E a reforma chilena não foi resultado da benevolência política local. A população se fechou, tomou iniciativa e abriu os olhos ante a situação em que viviam.

    Creio, que pessoas como você, eu e outros que estejam empenhados a propagar a causa educacional, tem que utilizar de todas as formas possíveis para engajar a população nesta luta.

    E por levar essa bandeira através de suas crônicas, parabéns! A consciência e a divulgação são, sem dúvida alguma, passos primordiais para a mudança.
    ___________________________________
    http://semfronteirasnaweb.blogspot.com
    http://olharalternativodiario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. É a mais pura verdade, Catarino.
    O governo não investe em educação para manter o eleitorado cego e burro.Ouvi uma pedagoga dizer que o Governo recebe algum benefício externo por manter os alunos na escola e o resultado disso é que os mesmos passam de ano sem aprender nada, somente para elevar as estatísticas.Quanto ao benefício, não sei se é monetário ou apenas o Brasil não quer figurar na lista negra de paíseis com alto índice de analfabetismo.
    A situação política do Brasil é lamentável.
    Parabéns pela matéria.Gostei.

    ResponderExcluir
  7. Ótima matéria, Catarino!
    Eu concordo com o que disse a amiga Elite, o governo não investe em educação para manter o eleitorado cego e burro. Pro governo isso é cômodo.
    Bjuuu e bom final de semana pra ti.

    ResponderExcluir
  8. Eu vi uma matéria sobre isso no Jornal Nacional e fiquei impressionado! Por isso que candidatos sem nenhum carater são eleitos.
    Abs,

    ResponderExcluir
  9. É por essas e outras que sou cada vez mais a favor do fim do voto obrigatório.

    Assim, só quem tem instrução e sabe o que está acontecendo é que iria votar.

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, ela é muito importante para nosso trabalho.

Popular Posts