O Brasil nos jogos paraolímpicos de Pequim

By
Brasil Pequim parolímpiadasTerminado os jogos paraolímpicos de Pequim e temos uma grande satisfação com os atletas brasileiros. Foi a melhor participação com resultados sensacionais.

Somente o atleta Daniel Dias ganhou nove medalhas sendo quatro de ouro, é o maior medalhista brasileiro de todos os tempos.

No total o Brasil ganhou 47 medalhas, sendo 16 de ouro, 14 de pratas e 17 de bronze. Ficamos em 9º lugar deixando para trás muitos países ricos como Espanha, e Alemanha.

Em Atenas havíamos ganhado 33 medalhas e já havia sido um excelente resultado.

Parece que os atletas com necessidades especiais não ficaram com medo de competir com os demais companheiros e na ausência do medo venceram. Não houve choradeira e pedidos de desculpa. Quem venceu e quem não venceu pouco importa, pois enfrentaram todas as dificuldades de falta de patrocínio e as próprias limitações físicas e mesmo assim competiram com bravura.

Para essa equipe deixo meus sinceros parabéns e que sirvam de exemplo para todos os atletas, principalmente aqueles que não têm nenhuma dificuldade física e perde suas competições por falta de controle emocional.

Abaixo está o quadro final de medalhas para ser visto e apreciado por todos.


1China897052211
2Grã-Bretanha422931102
3Estados Unidos36352899
4Ucrânia24183274
5Austrália23292779
6África do Sul213630
7Canadá19102150
8Rússia18232263
9Brasil16141747
10Espanha15212258


Se gostou do post subscreva nosso FEED.
















6 comentários:

  1. Esses atletas merecem muitos parabéns e homenagens, não só pelo feito histórico, mas pelo exemplo de vida que nos dão, superando as dificuldades de um mundo que não os ajuda em nada desde as tarefas práticas do cotidiano.
    Parabéns pelo post e parabéns à todos os excelentes atletas e pessoas!
    Abração

    ResponderExcluir
  2. É por isso que eu fico indignado quando vejo deficientes que preferem ficar nas esquinas pedindo dinheiro do que se dedicar a aprender algum afazer que seja compatível com sua deficiência. Parabéns a esses verdadeiros heróis que não ganham milhões, mas assim mesmo representaram nosso país com muita raça e determinação!

    Agradeço pelo comentário lá no Segurança do Trabalho.

    ResponderExcluir
  3. Realmente esse pessoal são "SuperHerois", vencer a dificuldade que a vidas impôs, mais a dificuldade de ser atleta, e considerado o melhor do mundo. Parabens mesmo a todos eles!

    Justifico que eu não teria tamanha força de vontade. Não a esse ponto!


    muito bom o post, abs Catarino!

    ResponderExcluir
  4. E isto porque não há incentivo e nem se pratica esportes nas escolas.
    Imagine se houvesse, como poderia melhorar as condições das pessoas.
    Abraços

    ResponderExcluir
  5. É Catarino, os nossos atletas fizeram bonito, isto se chama superação, que muitas vezes os atletas "normais" não fizeram o bastante.

    ResponderExcluir
  6. Aos poucos o Brasil tá chegando lá.
    Falta incentivo por parte das escolas,dos clubes, da mídia, e o mais importante, dos patrocinadores! O Brasil não investe na saúde que é essencial, imagine nos esportes!
    Obrigada pela visita lá no blog.
    Bjs

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, ela é muito importante para nosso trabalho.

Popular Posts