A UFSM, o vestibular e a economia.

By
Símbolo da UFSM

Aqui em Santa Maria temos a Universidade Federal que é conhecida por UFSM e hoje se iniciou o vestibular. São mais de dezenove mil candidatos inscritos.

A universidade, desde sua criação, gera muito desenvolvimento para a cidade e mesmo o vestibular trás ganhos para empresas e famílias. Os hotéis ficam lotados e até casas de famílias são usadas para hospedar os jovens. O comércio se prepara para oferecer produtos para os vestibulandos e seus parentes que os acompanham.

Santa Maria é uma cidade que não possui indústrias e sua renda vem do comércio, dos serviços e da agricultura.

A economia provocada pela presença dos estudantes se dá em muitos setores. O setor imobiliário se agita logo depois do vestibular, os estudantes que logram sucesso nos exames já começam a procurar um imóvel e começam cedo para escolher melhor.

Até as lojas de móveis usados, os chamados bric, lucram, pois os estudantes que completam seus cursos querem vender seus móveis usados para irem embora e os que chegam querem comprar para montar suas residências com custo baixo. Isso proporciona lucro para os briqueiros que compram por pouco e vendem com algum lucro. Todos ficam felizes.

As empresas que organizam formaturas e os clubes têm encomendas agendadas para alguns anos à frente. É preciso estar atento para não ficar sem um bom lugar para a formatura.

Muitas famílias se mudam para a cidade para que seus filhos venham fazer o ensino médio e ir se preparando para o ingresso à universidade.

Os recém formados, muitas vezes, ficam na cidade e isso torna a população mais qualificada e há uma maior disputa pelas vagas de emprego.

Existem outras universidades de ensino privado que também dão sua contribuição para o desenvolvimento local, mas o sonho de todo estudante é ingressar na UFSM que tem os melhores cursos e sempre se destaca no âmbito nacional.

Mesmo o ensino sendo público e gratuito, são os filhos das classes de melhores condições financeiras que ingressam na UFSM, pois a manutenção de uma pessoa na cidade é dispendiosa e se a família não tiver recursos de nada adianta passar do vestibular. Já as particulares têm seus cursos, na grande maioria, à noite e isso propicia que o aluno trabalhe melhorando sua capacidade de sobrevivência.

Por tudo isso seria muito bom se o Governo Federal se propusesse a criar novas universidades em regiões de fraco desenvolvimento para proporcionar uma melhoria no crescimento e redistribuição de renda.

Veja os classificados no vestibular UFSM 2009 aqui.


Faça seu comentário e apareça no rol dos comentadores.
Se gostou do post
subscreva nosso FEED.

6 comentários:

  1. Catarino, na minha adolescência, com Santa Maria tão pertinho de São Gabriel, meus amigos - sem excessão - preparavam-se para o vestibular de Santa Maria. Muitos conseguiram passar e eu ia visitá-las de vez em quando. A universidade dá vida à cidade. É procura de apartamento para alugar, de gente para dividir o aluguel, etc. Feliz da cidade que tem uma universidade...federal! Eu acabei me formando na URCAMP, mas ainda pretendo fazer outra faculdade.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Catarino, conheço a reputação UFSM e acho muito bom que ela gere renda para o municipio.
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Conheço a reputação da UFSM e tenho colegas que já estudaram aí. Por aui A UFPEL também é muito disputada.

    Iza

    ResponderExcluir
  4. Amigo Catarino, além de parceiros agora sou seu seguidor.


    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Olá, tenho um blog de promoções, sorteios, concursos e amostras, dá uma olhadinha.
    http://bahtrilegaltche.blogspot.com

    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Um dos destaques de Santa Maria é a UFSM em termos de referencial em educação pública de qualidade. E isto realmente é um fator de desenvolvimento cultural, além de econômico para toda comunidade.Todos gostariam de ter uma universidade federal em sua cidade.Parabéns pela UFSM.

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, ela é muito importante para nosso trabalho.

Popular Posts