Você usa o cinto de segurança em ônibus?

By
Cinto de segurança em ônibus

Há alguns dias ocorreu um acidente com o ônibus que levava a delegação do time do Brasil de Pelotas. Foi um acidente muito grave onde houve a morte de dois jogadores e um preparador de goleiros, além de vários feridos com gravidade.

Esse acidente suscitou a discussão sobre o uso do cinto de segurança em viagens por ônibus. Pelo que disse a Polícia Rodoviária Federal são muito poucas as pessoas que usam o cinto.

Isso ocorre devido à dificuldade de fiscalização, normalmente o motorista pede que todos usem, mas depois não tem condições de verificar se foi cumprida a determinação. Raramente as patrulhas de trânsito param um ônibus para fiscalizar e mesmo assim só podem advertir sobre os riscos de se viajar sem este item de segurança.

Quando um ônibus sofre um acidente, principalmente com capotamento, as pessoas que estão sem o cinto serão jogadas para frente ou ficarão batendo nas paredes até a parada total. Esses passageiros serão os que mais sofrerão sequelas, muitas vezes fatais.

Ultimamente temos notícias de muitos acidentes de ônibus e com muitas mortes, provavelmente o uso do cinto diminuiria os óbitos e a gravidade dos feridos.

Por isso devemos colocar o cinto e só tirar quando do desembarque.


Faça seu comentário e apareça no rol dos comentadores.
Se gostou do post
subscreva nosso FEED.

21 comentários:

  1. Faz algum tempo que não viajo de ônibus Catarino, mas não me lembro de terem me pedido para usar o cinto, e acabei não usando. Acho que falta de costume.
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Bom... a ultima vez que fui para o Brasil... usei sempre o cinto... mas acho que era sou eu...rsss

    Abraços...
    Gio
    Roma

    ResponderExcluir
  3. Eu também, faz tempo que não ando de ônibus, mas na época que eu andava, simplesmente não existia cinto de segurança para os passageiros!
    Será que hoje em dia todos os ônibus são equipados com isso?

    Abraços,

    Luciano

    ResponderExcluir
  4. Catarino, eu uso cinto de segurança por hábito já, quando ando de carro. Em ônibus, de viagens, eu uso sim por dois motivos:
    Um, pelo hábito mesmo de já usar em carro (segurança); e outro, porque há muito passageiro folgado que acha que a poltrona dele é dupla e quer se apossar de parte do meu lugar, e com o cinto, isso atrapalha a empreitada dele. Pode ser ridículo, eu sei, mas é verdade!

    E todas as paradas que já presenciei por guardas, eles nunca cobraram o uso do cinto. Nem os motoristas.

    E tem gente que acha que é ridículo usar cinto. Para mim, não é nenhum sacrifício.

    Um abraço.
    Marcelo.

    ResponderExcluir
  5. Desde 1999 todos os ônibus novos têm que vir com cinco e o uso é obrigatório, só que sem fiscalização ninguém usa. Os riscos são os mesmos dos carros.

    ResponderExcluir
  6. Poxa,
    Foi realmentee mtoo tristee o que houve com o Brasil de Pelotas!!

    A minhaa opiniãoo é a seguintee:
    Aindaa que não exista fiscalização suficiente, as pessoas deveriam ter conscienciaa do perigo de andar sem cinto de segurança; tanto em carros de passeio, como em onibus de viagem !!

    Tem amor a vida ?? Seja prudente...

    Parabens pelo blog !!

    Beijoss

    www.maisq1historia.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. A fiscalização dentro dos passageiros de ônibus é uma tarefa praticamente impossível.
    Mas há necessidade de conscientização de cada um de nós.

    ResponderExcluir
  8. Pois é Catarino, é lamentável que as pessoas ainda teimem em não usar o cinto. Não só nos ônibus, mas nos veículos de passeio também. No caso de capotamento, o cinto tem a função de mantê-lo preso para que não seja arremessado para um lado e para outro do veículo ou até jogado para fora do mesmo. Isso pode evitar tragédias como essa do Brasil de Pelotas.



    Abraços

    ResponderExcluir
  9. É impossível de acreditar que as pessoas não saibam da importância dos cintos.Mas o pior é motorista que dorme ou que está bêbado ...

    ResponderExcluir
  10. Desde que incluíram o cinto nos ônibus eu passei a usar sempre.

    Não causa nenhum desconforto. E pode salvar a vida em algumas situações.

    Os motoristas sempre informam que o uso é obrigatório. Mas não sei como se fará para conscientizar as pessoas.

    Nos automóveis, aos poucos fomos pegando costume, a princípio mais por medo de multas mesmo.

    Mas como não existe esta possibilidade para passageiros de ônibus, fica mais difícil efetivar a obrigatoriedade. Vai da responsabilidade de cada um com a própria segurança.

    ResponderExcluir
  11. E aí gurizada do BLOG DO CATARINO! Indiquei vocês para receberem o “Prêmio Dardos”, passem lá no Beco do Sapulha para pegar o selo!

    http://becodosapulha.blogspot.com/2009/01/beco-do-sapulha-recebe-o-prmio-dardos.html

    Grande abraço! Saudações Coloradas!

    ResponderExcluir
  12. Muito bom o post, e leva-nos a olhar mais pela segurança, pela responsabilidade da vida.
    Quem quer brincar com a morte que brinque.
    Eu sempre uso cinto em viagens, mesmo em ônibus Leito.
    A preservação da vida vale mais que qualquer estética.

    ResponderExcluir
  13. Muito obrigado duas vezes, uma por aceitar a amisade no dihtt e outra por deixar um comentário em meu blog.
    Bom, vamos ao assunto, tema da postagem, Eu para ser franco ja deixei de usar por varias vezes o cinto em viagens de ônibus, mas um dia houve uma derrapagem, nada muito serio, mas houve uma derrapagem, ninguem se machucou gravemente, apenas um senhor que sem cinto e dormindo acabou batendo a cabeça no vidro e ficou roxo o local. Bom, depois deste episódio passei uns dois anos sem viajar de ônibus, optando pela viajem de avião, mas em uma viajem a goias resolvi enfrentar o "busão" e usei o cinto, para precaver né, ai na primeira parada eu sai para fumar um cigarro e o motorista saiu comigo para também fumar, foi quando me falou sobre a importancia do uso de cinto nestas viagens, disse que perdeu alguns colegas e tinha muito medo de se acidentar, bom depois deste dia passei a usar o cinto de segurança, no começo foi dificil e incomodava muito, mas depois passou a quase não perceber e se tornou uma atitude automática. espero que tomemos essa conciência e evitemos tantas mortes no trânsito por falta de prevenção!
    Muito obrigado por este blog!

    ResponderExcluir
  14. Catarino faz muito tempo que não viajo de onibus, mas não usei o cinto da última vez, acho que nem tinha, mas não tenho certeza.

    Boa semana.

    ResponderExcluir
  15. Eu sou dos chatos que usam cinto, do começo ao fim.

    Dizer que é desconfortável é somente procurar desculpa esfarradapa para a própria decisão de colocar sua (e dos outros) vida em risco.

    []'s

    ResponderExcluir
  16. Muito bom seu artigo Catarino, muitas pessoas sabem e tem consciência de que o sinto salva vidas, mas pouca gente usa este acessório tão importante nos ônibus.
    Abraços

    ResponderExcluir
  17. Parece desconfortável mas não é, Catarino. Acostumei a usar o cinto
    de segurança em ônibus e carros.
    Se todos fizerem isso, evitaria muitos danos físicos inclusive nos outros.Belo assunto para se pensar.

    ResponderExcluir
  18. Olá, Catarino!

    Em Portugal é obrigatório o cinto de segurança também em transportes públicos. No caso dos autocarros, todos cumprem as regras, pois há controle da polícia.
    Um abraço,

    Milouska

    ResponderExcluir
  19. E uma vergonha, mas tenho que confessar: eu nunca usei o cinto em onibus! Obrigada pelo alerta!

    Um beijo

    ResponderExcluir
  20. Alô Catarino!
    Acho a coisa masi difícil usar cinto de segurança em onibus. Pelo menos no circuito urbano! Já nas estradas, a cosciÊncia é maior.
    Abs,
    Amilton

    ResponderExcluir
  21. Sempre...a vida vale mais!!! o cinto é mero objeto, a vida é mais!

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, ela é muito importante para nosso trabalho.

Popular Posts