Sorgo sacarino, a planta camelo.

By
Sorgo sacarino, a planta camelo

Uma notícia muito interessante é esta que fala sobre uma planta que é resistente a seca. A planta é o sorgo sacarino que está sendo chamada de planta camelo, pois necessita de 1/3 da quantidade de água que a cana-de-açúcar precisa para se desenvolver.

É uma planta que atinge três metros de altura e serve para alimentar os animais e pode ser usada para produção de álcool combustível, principalmente porque pode ser produzida na entressafra da cana-de-açúcar.

Esta planta está sendo produzida em uma lavoura experimental na cidade de São Vicente do Sul, RS. O projeto é desenvolvido pela Embrapa e visa produzir sementes para posterior plantio.

Mesmo com uma seca que devastou as plantações aqui no RS a lavoura de sorgo sacarino se manteve verde e em pleno desenvolvimento.

Esta planta atende a três finalidades: pode ser usada para a produção de álcool hidratado e de cachaça, além de fornecer alimento para o gado com seus caules ou bagaço. Também pode ter suas sementes transformadas em farinha para consumo humano.

Com a grande dificuldade para produzir alimentos para o rebanho de gado com as plantas tradicionais essa planta traz uma esperança para essa área.

Fonte: Diário de Santa Maria, leia a reportagem completa.


Faça seu comentário e apareça no rol dos comentadores.
Se gostou do post
subscreva nosso FEED.
Se for copiar cite a fonte www.blogdocatarino.com

6 comentários:

  1. Olá, Catarino
    Interessante. Não conhecia essa planta.
    Acho importante buscar alternativas para possíveis adversidades. Com isso, muita gente ganha.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Que venha então o sorgo com toda a força do mundo. Mas que fique bem entendidinho, é sorgo e não sogro. Este, deixe em casa com a sogra, fica melhor assim.
    ABÇão

    ResponderExcluir
  3. Aqui a gente sempre encontra informações de alto nivel, o sorgo derepente como farinha pode ser usada até para combater a fome otima noticia.

    ResponderExcluir
  4. Catarino,

    Tem um comunicado importante em meu blog. Se possível, leia-o.

    Muito obrigado por este quase um ano de parceria.

    Sucesso para você.

    Ah! Sempre que possível, estarei aqui, lendo seus posts e comentando.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  5. Pois é, quando vi o título pensei: "quê? o Catarino errando na ortografia deste jeito??", hehehe.
    Mas sobre a notícia, é bom ver este tipo de coisa. Deve funcionar da mesma forma que aquele estilo de cactus no Nordeste, que dá até pra comer.
    Esse tipo de pesquisa, em busca de culturas que sobrevivem em meios geralmente adversos vai crescer pra caramba daqui alguns anos!

    ResponderExcluir
  6. Legal essa reportagem. Como nunca pensamos em usar essa planta antes?

    Será que da para plantar em qualquer lugar?

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, ela é muito importante para nosso trabalho.

Popular Posts