Branca de neve. Conto de fadas, origens.

By
Branca de neve. Conto de fadas, origens.

O conto da Branca de Neve ficou popular através da versão dos Irmãos Grimm (com o nome Little Snow-White), que haviam ouvido a história de duas irmãs chamadas Jeannette e Amalie Hassenpflug.

Branca de Neve tinha sete anos quando provocou a ira da rainha-madrasta por causa de sua beleza. Então a rainha convoca um caçador e pede que leve Branca de Neve para a floresta e a mate, trazendo seus pulmões e seu fígado para provar a morte. O caçador tem pena de Branca de Neve e a deixa fugir, levando pra rainha os órgãos de um javali. Então a rainha come os órgãos.

Enquanto isso, Branca de Neve acha a casa dos anões e em troca de lavar, passar, costurar, limpar e arrumar a casa, eles a deixam ficar.

Ao descobrir que Branca de Neve ainda está viva, a rainha vai até a casa dos anões três vezes. Primeiro, ela leva um corpete de seda, e tenta matar a garota apertando o corpete bem forte. Não funciona, então ela volta com um pente envenado e tenta a matar penteando seus cabelos. Na terceira vez ela vai com a maçã envenenada.

Dessa vez os sete anões chegaram tarde demais e nada fez a Branca de Neve acordar. Como sua aparência ainda era boa e ela tinha bochechas coradas, eles não tiveram coragem de enterrá-la e fizeram uma cripta de vidro para ela.

Um dia um príncipe viu a cripta com a princesa e quis comprá-la dos anões. Os anões se recusaram a vendê-la, mas acabaram dando para o príncipe com pena, pois ele pediu muito. O príncipe tinha empregados para carregarem a cripta, mas um deles tropeçou e caiu, derrubando o caixão de vidro. Com a queda, Branca de Neve cuspiu o pedaço de maçã envenenada e voltou à vida.

O príncipe e Branca de Neve planejam então uma festa de casamento e convidam a madrasta má (que não sabe que Branca é a noiva). Ela se arruma e quando se olha no espelho e pergunta, descobre que Branca está viva. Ela decide ir ao casamento mesmo assim e fica apavorada quando vê que a noiva realmente é Branca de Neve.

Então, colocam um par de sapatos de ferro na brasa. Tiram das brasas e vestem na madrasta, a fazendo dançar até cair morta.

Fonte da imagem: ZeroHora
Faça seu comentário e apareça no rol dos comentadores.
Se gostou do post subscreva nosso FEED.

8 comentários:

  1. Histórias que li, ouvi e vi em teatros infantis na minha infância. Bons tempos aqueles.

    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Saudações!
    AMIGO CATARINO!
    Excelente POST!
    Eternas histórias e lendas que marcaram minha infância!
    Parabéns!
    LISON.

    ResponderExcluir
  3. Eu não sabia como era a história, é bonita e quase cotidiana! :D

    ResponderExcluir
  4. Adorei a origem da história que adorava ler na minha infância!
    Tinha até o LP! rsrs
    Bjos,
    Luka

    ResponderExcluir
  5. essa história é muito legal

    ResponderExcluir
  6. Por favor, vc poderia me passar a referência da história acima?

    ResponderExcluir
  7. A fonte já está indicada, retirei do jornal Zero Hora.

    ResponderExcluir
  8. nao goooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooostei nem um pouco desse sit

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, ela é muito importante para nosso trabalho.

Popular Posts