Hanseníase, um caso de saúde pública.

By
Hanseníase, um caso de saúde pública


Muitas doenças antigas, como a hanseníase, nos da a impressão de que já não existem mais. Mas na verdade ainda atinge uma grande quantidade de pessoas em todo o mundo e no Brasil também há muitos doentes.

Segundo o Ministério da Saúde a hanseníase ainda é um problema de saúde pública no mundo. No ano de 2008 foram notificados 249 mil casos em todo o mundo. O país mais atingido é a Índia que fica com 54% desse total ou 134 mil casos.

A doença é infecciosa e atinge a pele e os nervos dos braços, mãos, pernas, pés, rosto, orelhas, olhos e nariz. O tempo entre o contágio e o aparecimento dos sintomas é longo e varia de dois a cinco anos, podendo ser maior. A doença pode causar deformidade física que só pode ser evitada com o diagnóstico precoce e o tratamento imediato.

A doença tem cura, mas exige o diagnóstico precoce e para isso o Ministério da Saúde mantém campanha permanente para que os casos suspeitos sejam corretamente detectados e o tratamento iniciado imediatamente.

No Brasil as regiões norte, nordeste e centro-oeste são as mais atingidas reunindo 75% dos casos registrados no País. Para diminuir a incidência dessa doença é preciso que as pessoas que tenham manchas brancas ou vermelhas ou áreas dormentes no corpo procurem um posto de saúde. Clique na imagem e veja mais informações sobre a doença.

Faça seu comentário e apareça no rol dos comentadores.
Se gostou do post subscreva nosso FEED.
Cópias não permitidas www.blogdocatarino.com
Conheça o SHOPPING DO CATARINO

6 comentários:

  1. Obrigado por sempre está participando dos meus blogs fico feliz mesmoo, por ter alguemq gosta do q escrevo ;D

    muito esclarecedor o seu post sobre a hanseniase.

    beeeijos

    ResponderExcluir
  2. Sempre o precoiceito entre os homens, até em si mesmo atrapalha sua vida.
    Abraços forte

    ResponderExcluir
  3. Já tive um aluno com esta doença, bem aqui, no Rio de Janeiro. Entretanto, o garoto (que se destacava na turma pela inteligência) não tinha sintomas aparentes da doença porque fazia tratamento. O menino era um talento. Eu o perdi de vista, mas não pude esquecê-lo.

    bjs

    ResponderExcluir
  4. É muito importante sites com informações relevantes assim!

    www.link.dequalidade.com.br
    www.cultura.dequalidade.com.br

    Felicidades Catarino!

    ResponderExcluir
  5. Olá, blogueiro(a)!

    Dia 30 de janeiro é Dia Mundial de Luta contra a Hanseníase. Se antes a doença assustava portadores e suas famílias, hoje ela tem tratamento e cura!

    Seja nosso parceiro e utilize seu espaço para divulgar informações sobre a doença. Se tiver interesse em colocar o selo da campanha em seu blog, entre em contato com comunicação@saude.gov.br.

    Para saber mais sobre hanseníase, acesse: http://bit.ly/dZFocW

    Siga-nos no Twitter: www.twitter.com/minsaude

    Obrigado,
    Ministério da Saúde

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, ela é muito importante para nosso trabalho.

Popular Posts