Saúde. Mosquito vacinado, uma esperança contra a Dengue.

By
Viver com Saúde. Saúde. Mosquito vacinado, uma esperança contra a Dengue.
A dengue vem se tornando um grave problema de saúde pública, mesmo sendo combatida a contaminação aumenta todos os anos. Um estudo diz que Pesquisadores usam bactéria encontrada na mosca-das-frutas para bloquear a transmissão do vírus no Aedes aegypti.

A pesquisa foi desenvolvida pela Universidade de Queensland, em Brisbane, na Austrália, e acena para a possibilidade de se controlar a transmissão do vírus da dengue. Quarenta cientistas do mundo todo participam do trabalho de microinjeção de embriões – que deixa o mosquito Aedes aegypti mais resistente à dengue e, portanto, dificulta a transmissão.

Um brasileiro, de Belo Horizonte, acredita que o país tenha potencial para desenvolver o estudo. Para o pesquisador do Laboratório de Malária do Centro de Pesquisas René Rachou da Fundação Oswaldo Cruz em Minas Gerais (CPqRR/Fiocruz) Luciano Andrade Moreira, a descoberta, aliada à conscientização da população, pode acabar com a epidemia de dengue no Brasil.

Os estudos começaram há seis anos, quando cientistas australianos decidiram injetar em ovos do Aedes aegypti a bactéria Wolbachia, encontrada nas moscas-das-frutas, as drosófilas. Os especialistas descobriram que a bactéria causava a morte prematura das drosófilas, e o mesmo conceito foi aplicado ao inseto transmissor da dengue.

– A ideia era fazer o mosquito morrer logo para não transmitir o vírus. Mas descobrimos implicações para a cadeia alimentar e o ambiente e, por isso, há dois anos, começamos a bloquear a transmissão da dengue sem que o mosquito precise morrer. É como se o mosquito fosse vacinado e ficasse resistente ao vírus – explica o pesquisador do CPqRR/Fiocruz.

Dez mil ovos foram usados nos testes, ao longo de seis anos, e apenas duas larvas fêmeas se tornaram adultas e procriaram. Segundo o cientista mineiro, toda a linhagem de mosquitos, a partir dessa geração, terá a bactéria em suas células e estará “protegida” da dengue:

– A partir do mosquito solto na natureza, a bactéria é transmitida mais facilmente, aumentando a prole protegida em contato com a população. É um grande passo no combate à dengue e, com ações conjuntas, pode ser a salvação.

Enquanto o estudo não vira realidade é preciso combater o mosquito, pois aqui no RS há algumas cidades já com surto da doença e os cuidados não aumentarem logo vira epidemia.


Se gostou do post subscreva nosso FEED.
Cópias não permitidas www.blogdocatarino.com
Conheça o SHOPPING DO CATARINO
Protected by Copyscape Online Plagiarism Check

Um comentário:

  1. Vim conhecer seu espaço e gostei muito! Muito seleto e diversificado. Parabéns. A educação é a base do ser humano para sua vida em sociedade e para uma vida feliz. Também sou educador e vejo que nossa base holística é o caminho mais ameno a seguir, repleto de aprendizados diários em rumo a uma qualidade de vida equilibrada.
    Obs: Me tornei seu seguidor.
    Prof. José Carlos
    http://projetosead.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, ela é muito importante para nosso trabalho.

Popular Posts