Imprensa. “Estar fazendo” não é exclusividade do telemarketing.

By
Crítica a Imprensa. “Estar fazendo” não é exclusividade do telemarketing.
Há um tempo houve uma grande discussão em que os profissionais da imprensa diziam que para ser jornalista era preciso ter curso superior e a justiça havia derrubado essa tese. Não sei se é falta de curso superior ou falta de atenção dos redatores e revisores, pois li no jornal Diário de Santa Maria a seguinte manchete: “Saúde. Ao mês cerca de 120 pessoas poderiam estar sendo atendidas pelo Samu em Santa Maria”.

Eu pensava que esse modo horrível de falar fosse exclusividade do pessoal do telemarketing que nos ligam dizendo que “irão estar providenciando” e outros “andos”. Agora a imprensa escrita adota esse modo de falar. Essa é uma atitude preocupante, pois muitas pessoas pensam que os jornalistas são pessoas cultas e que se está escrito no jornal deve estar correto.
Sugiro que os responsáveis pelos cursos de jornalismo reforcem as disciplinas em que tratam da língua portuguesa e os jornais dêem mais atenção a nossa língua, pois são formadores de opinião e têm responsabilidade por tudo o que dizem. Gostaria que este texto fosse lido de forma crítica e gerasse polêmica e que os jornalistas formados explicassem o porquê de um jornal, que pertence a um grande grupo da imprensa do RS, ter aderido a esse tipo de linguajar.
Eu procuro escrever na forma mais correta, não sou profissional e por isso posso errar em alguma frase, um jornal de grande circulação não pode aderir a modismo que deixam nossa língua muito feia. Enquanto estávamos só ouvindo o pessoal do telemarketing dizendo essas barbaridades era só se fazer de surdo e não aceitar a promoção que estavam fazendo.
Se alguém do telemarketing ler este texto e quiser deixar uma explicação do porquê do uso dessa forma de falar eu agradeço, pois não sei de onde veio essa onda e nem qual a finalidade. Seria uma forma de parecer culto para os consumidores pouco letrados? Ser for essa a explicação sugiro que leiam o livro “O Poder da Persuasão”, nele aprendemos muito sobre como convencer as pessoas, com técnicas testadas e comprovadas. Assim fariam sucesso nas vendas e ainda seriam elogiados pelo linguajar culto usado.


Central Blogs

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe sua opinião, ela é muito importante para nosso trabalho.

Popular Posts