Trânsito. Educação só com multas e punições.

By
Crítica aoTrânsito. Educação só com multas e punições.

As pessoas se transformam quando estão no trânsito. Qualquer fato é motivo para xingamentos e ofensas. Uma corrente de pensadores diz que isso só poderá mudar com educação. O problema é o tempo, pois se vamos iniciar educando as crianças para ter educação no trânsito só teremos resultados daqui a 15 ou 20 anos. Até lá muitas pessoas terão morrido e muitas crianças não chegarão a ser adultos para conduzir automóvel de forma educada.
A minha ideia e educar os motoristas por meio de multas e punições. O governo federal tem que tomar coragem e editar medidas que venham a fazer com que os maus motoristas sofram sérias consequências por seus atos. Aqui no RS o trânsito era controlado pela polícia militar, aí veio um político e teve a ideia de criar mais empregos públicos e criaram os azuizinhos e outros tipos de fiscais do trânsito que passaram a ter a responsabilidade de controlar as infrações cometidas no trânsito.
Com essa nova fórmula os condutores passaram a não ter nenhum tipo de controle, pois as prefeituras têm poucos recursos e por isso contrataram um número mínimo de fiscais de trânsito e com o tempo esse pequeno número ficou quase inexistente. Hoje só em casos de acidentes eles aparecem. Não se vê um único fiscal em nenhum ponto da cidade par inibir as barbaridades cometidas. Ninguém respeita sinal vermelho, faixa de segurança e limite de velocidade. A cidade é terra de ninguém. Para quem caminha o risco de vida é total, pois o sinal fecha, mas os carros continuam avançando.
Minha sugestão é aproveitar os jovens que ingressam nas forças armadas e ficam um ano fazendo o serviço militar. Esses jovens poderiam passar por um treinamento e serem colocados nas ruas das cidades com ordem de multar todos os motoristas que cometem infração de trânsito. Qualquer infração teria punição. Quem fizesse uma conversão sem dar sinal, quem passasse por uma faixa de segurança sem parar, quem avançasse no sinal vermelho seria multado. Nada de orientar, só multar, pois quem fez a habilitação para dirigir automóveis sabe as regras e se não faz o certo é porque não quer.
Não tem nada que doa mais que o dinheiro, por isso o trânsito teria uma mudança radical, em poucos meses todos estariam dirigindo de forma correta. O custo disso seria mínimo, pois os jovens são obrigados a prestar serviço militar, mas poderiam prestar esse serviço de muita importância para a nação.
É preciso multar também os pedestres que não cumprem suas obrigações, isso é previsto no código de trânsito, mas nunca ocorreu no Brasil. É hora das autoridades ver a matança no trânsito como uma calamidade pública e tomar medidas sérias para conter essa mortandade sem fim. Vamos acabar com essa guerra e em guerra temos que tomar medidas enérgicas, chega de campanhas que entregam folders para os motoristas e este jogam no lixo e nem olham o que está escrito.


Central Blogs

Um comentário:

  1. Olá!
    Agradeço sua visita ao meu blog!

    Gostei muito do seu blog. Informações úteis e pertinentes. parabéns!
    Déia

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, ela é muito importante para nosso trabalho.

Popular Posts