Crônica. É possível interpretar uma poesia?

By
Crônica. É possível interpretar uma poesia?

Aqui no RS, há um tempo, um cantor nativista (cantor nativista é aquele que canta músicas tipicamente rio-grandenses) fez uma música que causou muita polêmica.  Tudo que causa muita polêmica faz sucesso e o sucesso faz outros copiarem a ideia. Outras músicas foram feitas no mesmo tema, só que contrariando a primeira. Nesse caso o poeta foi perguntado sobre o que queria dizer com a letra feita e este respondeu que poesia é feita e pronto, não há o que analisar.

Falo isso por lembrar que quando estudava, não lembro qual era a série, a professora nos apresentou o soneto Carolina de Machado de Assis. Ela queria que interpretássemos o que o autor queria dizer com a letra do soneto. Não lembro qual foi a minha análise, só lembro que a professora considerou errada, para ela o trecho em que o poeta diz “trago te flores, restos arrancados da terra que nos viu passar unidos” queria dizer que ele havia colhida as flores do jardim de onde moravam.

Não sei se essa é a interpretação oficial ou era a interpretação da professora, mas hoje poderia dizer que o poeta poderia ter comprado as flores na floricultura e ainda assim terem sido arrancadas da terra. O termo terra poderia ter sido usado para falar do espaço por onde viveram. Em minha opinião temos que gostar ou não, mas tentar adivinhar o que o poeta queria dizer é uma loteria, talvez nem ele mesmo saiba.

Veja abaixo o soneto Carolina que foi escrito por Machado de Assis para homenagear sua esposa morta.

Querida, ao pé do leito derradeiro
Em que descansas dessa longa vida,
Aqui venho e virei, pobre querida,
Trazer-te o coração do companheiro.

Pulsa-lhe aquele afeto verdadeiro
Que, a despeito de toda a humana lida,
Fez a nossa existência apetecida
E num recanto pôs o mundo inteiro.

Trago-te flores – restos arrancados
Da terra que nos viu passar unidos
E ora mortos nos deixa e separados.

Que eu, se tenho nos olhos malferidos
Pensamentos de vida formulados,
São pensamentos idos e vividos.


Se gostou do post subscreva nosso FEED.
Conheça o SHOPPING DO CATARINO
Cópias não permitidas - www.palavras.blog.br
Protected by Copyscape Online Plagiarism Check

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe sua opinião, ela é muito importante para nosso trabalho.

Popular Posts