O trânsito atual e o uso indevido do pisca-alerta.

By
O trânsito atual e o uso indevido do pisca-alerta.

Neste período natalino onde os pisca-piscas invadem e iluminam todos os recantos para embelezar as noites de dezembro, e o fluxo de veículos se intensifica nas ruas, estacionamentos de shoppings e por onde quer que possam trafegar, uma coisa que eu acho incrível, principalmente porque também aumenta nesta época do ano, e que me deixa totalmente bestificado, é o tal uso do pisca-alerta pelos motoristas. Tenho que renovar a carteira de habilitação e vou aproveitar para reciclar meus conhecimentos, pois acho que já estão ultrapassados sobre este item de segurança automotiva.


Até onde eu sei o pisca-alerta deveria servir exatamente para isso, ou seja, ele pisca e alerta em casos de emergência, avisando que tem algo errado a frente (quando o veículo está em movimento), ou quando somos obrigados a parar em locais indevidos (em decorrência de alguma pane no motor, ou pane no pneu, ou pane no motorista, etc). Mas acho que a lei mudou, pois principalmente na frente das escolas o uso do pisca-alerta serve para tudo, por exemplo: Fulano para em fila dupla e liga o pisca-alerta, com isso ele está tranqüilo, sabe que os coitados atrás dele não vão se importar em ter que desviar ou esperar vários minutos até que o bonitão pegue seu filho e siga seu belo caminho. Existem ainda vários outros cenários que podemos citar, como quando o cretino estaciona na frente de uma garagem, ou em uma vaga para deficientes, mas tudo bem, ELE LIGOU A BOSTA DO PISCA-ALERTA! Todo resto do mundo que se dane, ele não está nem aí, pois com o pisca ligado tudo é permitido, é magia pura.

Essas pessoas devem se a achar as bolachinhas mais importantes (para não dizer irritantes) do pacote social onde vivem, para fazerem as coisas que fazem, sofrendo, provavelmente, da mesma disfunção de personalidade que Steve Jobs (criador do Ipod, do Iphone, da Apple, da Pixar, entre outros produtos e empresas), que achava que muitas das regras de trânsito não se aplicavam a ele (ou apenas não se importava muito com elas).

Enquanto isso, os trouxas como eu tentam chegar mais cedo as escolas onde seus filhos estudam para poderem estacionar próximos da entrada, ou estacionam a duas quadras de distância quando se atrasam, respeitando o trânsito. Já os gostosões chegam em cima da hora, param o carro de qualquer jeito, interrompendo todo fluxo de veículos, obstruindo a faixa de segurança por onde as crianças passam, e causando a maior merda. Mas eles podem fazer isso porque simplesmente ligaram o pisca-alerta, e os demais indivíduos que se explodam (eu ia dizer: “Que se fodam”, mas achei politicamente mais correto escrever “explodam” para não macular os olhinhos sensíveis de ninguém).

E assim, os babacas que como eu vão seguindo as normas parecem sempre se dar mal por isso. Até em uma das ex-novelas das oito (que sempre começa bem depois desse horário), quando o Bandido Leo resolveu seguir a Norma (Glória Pires), acabou levando a pior, e assim a vida imita a arte, e dependendo do tipo de arte, ela irrita a vida dos vivos.

De um lado nós, “os certinhos”, tentamos fazer de tudo para que o mundo flua em harmonia. Nós não andamos pelo acostamento, não jogamos papel pelas janelas de nossos carros, não paramos em fila dupla, não peidamos no elevador ou em lugares fechados (salvo se for embaixo das cobertas, lugar considerado de foro íntimo e área de peido livre se você dormir sozinho, porque se estiver acompanhado já é outra história). Mas, ao olharmos ou respirarmos para o lado, lá estão os queridões fazendo tudo isso, e ainda dando (mau) exemplo, por fazerem na frente dos próprios filhos, para que eles aprendam a ser tão espertalhões quanto seus queridos papais e mamães.

Daí quando vemos um monte de crápulas aumentando o seu já gordo salário em setenta e poucos por cento (e ainda estão se articulando para ganhar o tal “PACOTÃO de Natal”, SE LIGA BRASIL!, se for aprovado serão mais algumas centenas de milhões anuais escorrendo pelo ralo político...), em câmaras de deputados, prefeituras e onde mais parasitarem esta corja imunda que nos rouba de várias formas sem pudor algum, ficamos abestalhados e indignados, não entendendo como eles não têm crises de consciência ao fazerem isso, justamente em um país que tem as deficiências que o nosso tem, com gente morrendo todos os dias por falta de recursos públicos, que são roubados por essas figuras descaradas, de caráter desfigurado.

Mas grande parte da raiz desses problemas está enraizada em nossas raízes culturais, visto que muitos brasileirinhos mal nascem e já saem do berço sendo treinadinhos para querer levar sempre a melhor (através do menor esforço). Então como vamos querer que quando cheguem a fase adulta não sejam uns grandes de uns FDPs? (acho que não preciso explicar esta sigla). Prontos a sacanear pelas costas, e sem qualquer escrúpulo, quem aparecer na frente deles.

O Natal está novamente batendo a nossa porta. Quer presentear o mundo e a todos aqueles que você ama? Então pare de agir como um cretino egoísta, e passe a fazer a sua parte. Melhorar o mundo não é algo fácil de se conseguir, mas precisamos de gente honesta e disposta a fazer as coisas certas para que isso realmente aconteça. Se você é daqueles que acredita em milagres, fique certo de que a essência de um milagre é poder fazer do impossível algo possível, simplesmente fazendo o nosso possível.


Fonte: Texto de Antonio Brás Constante

8 comentários:

  1. Fico estarrecido com a inversão de valores que estamos vivendo!
    Quem faz o certo é visto como otário mesmo!
    Mas prefiro dar o exemplo correto para meus filhos do que ser "esperto".

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo post !! Se mais pesoas pensassem assim, o Brasil tinha jeito....Parabéns!

    ResponderExcluir
  3. E a mulherada é a pior espécie de motorista... elas acham que tem "aquilo" e daí podem tudo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. SÓ EXISTEM DUAS ESPÉCIES DE MOTORISTAS: MULHERES NEURÓTICAS E HOMENS NERVOSOS.

      Excluir
  4. A actual acceptable and informative article absolutely . It helps me a lot to enhance my knowledge, I absolutely like the way the presented his views , a lot of thanks for all your admired assignment on this article.
    domain & hosting

    ResponderExcluir
  5. REALMENTE, MUITA COISA NO COMPORTAMENTO DOS NOSSOS COMPATRIOTAS, INCLUSIVE EM NÓS MESMOS, CAUSAM QUESTIONAMENTOS MUITAS VEZES SEM RESPOSTAS. O IMPORTANTE É QUE FAÇAMOS A NOSSA PARTE E TENTEMOS ACERTAR, MAS ACERTAR SEMPRE É IMPOSSÍVEL PORQUE FAZEMOS PARTE DO JOGO ERRADO.

    ResponderExcluir
  6. I really enjoyed reading this. Thanks for this wonderful post. I hope to see more posts in the future.

    ResponderExcluir
  7. É, caro blogueiro. Sou agente de Trânsito no estado da Paraíba, e vejo isso todos os dias, infelizmente não posso multar pois sou do Estado e a competência para tais atos são Municipais. Claro que quando vejo erros desse tipo vou até lá e ordeno que o "motorista" deixe o local (fila dupla por ex.) tudo pela mobilidade no transito. Hoje, defolga esperei a boa vontade de um "motorista" que aguardava uma vaga para estacionar e, para isso, causou uma fila de carros e uma espera de cerca de 4 minutos. Parece pouco, mas 4 minutos por causa de um babaca que acha que é o dono do trânsito, é de dar ataque de nervos. O cara so saiu da rua depois que desci e me identifiquei como policial solicitando para que o mesmo liberasse a via, e o mesmo, pasmem, justificou que estava certo poi havia ligado o caralh... do "pisca - alerta" (quase surtei)

    ResponderExcluir

Deixe sua opinião, ela é muito importante para nosso trabalho.

Popular Posts